quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Chic por Glória Kalil



"Nunca o termo "chique" foi tão usado para qualificar pessoas como nos dias de hoje.
A verdade é que ninguém é chique por decreto.
E algumas boas coisas da vida, infelizmente, não estão a venda. Elegância é uma delas.
Assim, para ser chique é preciso muito mais que um guarda-roupa ou closets recheados de grifes famosas e importadas.
Muito mais que um belo carro importado.
O que faz uma pessoa chique, não é o que essa pessoa tem, mas a forma como ela se comporta perante a vida.
Chique mesmo é quem fala baixo. Quem não procura chamar atenção com suas risadas muito altas, nem por seus imensos decotes e nem precisa contar vantagens, mesmo quando estas são verdadeiras.
Chique é atrair, mesmo sem querer, todos os olhares, porque se tem brilho próprio.
Chique mesmo é ser discreto, não fazer perguntas ou insinuações inoportunas,nem procurar saber o que não é da sua conta.
Chique mesmo é parar na faixa de pedestre e evitar se deixar levar pela mania nacional de jogar lixo na rua.
Chique mesmo é dar bom dia ao porteiro do seu prédio e às pessoas que estão no elevador. É lembrar do aniversário dos amigos.
Chique mesmo é não se exceder jamais! Nem na bebida, nem na comida, nem na maneira de se vestir.
Chique mesmo é olhar nos olhos do seu interlocutor. É "desligar o radar" quando estiverem sentados à mesa do restaurante, e prestar verdadeira atenção a sua companhia.
Chique mesmo é honrar a sua palavra, ser grato a quem o ajuda, correto com quem você se relaciona e honesto nos seus negócios.
Chique mesmo é não fazer a menor questão de aparecer, ainda que você seja o homenageado da noite!
Mas para ser chique, chique mesmo, você tem, antes de tudo, de se lembrar sempre de o quão breve é a vida e de que, ao final e ao cabo, vamos todos retornar ao mesmo lugar, na mesma forma de energia.
Portanto, não gaste sua energia com o que não tem valor, não desperdice as pessoas interessantes com quem se encontrar e não aceite, em hipótese alguma, fazer qualquer coisa que não te faça bem. Lembre-se que o diabo parece chique, mas o inferno não tem qualquer glamour!
Porque, no final das contas, chique mesmo é ser feliz".

terça-feira, 7 de dezembro de 2010



Olhos de sapo, patas de rã, que tenhas Sorte todas as manhãs! Asas de morcego , baba de lombriga, que sempre estejas de bem com a vida! Patas de hipopótamo, couro de dragão, que nada nunca machuque seu coração! Dentes de cobra, ossos de urubu Saibas que gosto muito de TÚ! Unhas de gato, penas de galinha, que sempre estejas de bem com sua vizinha! Prometa: Vassourinha, vassourinha, que cada ano eu esteja mais bonitinha. Sapo, sapinho, que nunca acabe meu perfume e meu batonzinho. Calderão calderinho, que haja abundância de dinheirinho...


"Eu só sei que amo verdadeiramente depois de ter esbarrado nas imperfeições do outro, depois de ter conhecido sua pior faceta e mesmo assim continuar reconhecendo-a como parte a que não posso renunciar. Só o amor me faz conviver com o precário da vida, com a indigência humana”

Padre Fábio de Melo

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010



"Se eu te pudesse dizer

O que nunca te direi

Tu terias que entender

Aquilo que nem eu sei ..."


- Fernando Pessoa -


Vê se ri um pouco. Tenho aprendido que tudo que tem um jeito, o tempo é remédio pra tudo, vivendo e aprendendo. Por aí. (Caio F.)

COMO SE FAZ DURAR UM AMOR



"Uma jovem mulher e sua filha caminhavam pela praia. Num certo ponto, a menina disse:
- Como se faz para manter um amor?

A mãe olhou para a filha e respondeu:
- Pegue um pouco de areia e feche a mão com força.

A menina assim fez e reparou que, quanto mais forte apertava a areia com a mão, com mais velocidade a areia escapava.
- Mamãe, mas assim a areia cai!!!
- Eu sei, agora abra completamente a mão.

A menina assim fez, mas veio um vento forte e levou consigo a areia que restava na sua mão.
- Assim também não consigo mantê-la na minha mão!

A mãe, sempre a sorrir, disse:
- Agora pegue outra vez um pouco de areia e mantenha a mão um pouquinho aberta, como se fosse uma colher: fechada o suficiente para protegê-la, mas aberta o bastante para lhe dar liberdade.

A menina experimentou e viu que a areia não escapava da mão, pois estava protegida do vento.
A mãe concluiu: - É assim que se faz durar um amor."


"Chega de se boicotar minha filha, tá na hora de você ser muito feliz."



Quem tenta ajudar a borboleta
a sair do casulo a mata.
Quem tenta ajudar um broto
a sair da semente o destrói. Há certas coisas que
não podem ser ajudadas.
Tem que acontecer
de dentro para fora.



Rubem Alves


Eu só te peço uma coisa: Pare de culpar a vida. Pare de ter pena de você. Se assuma. Se aceite. Se culpe. Se estrepe. Mas se perdoe. Pelo amor de Deus, se perdoe. Somos todos culpados, se quisermos. Somos todos felizes, se deixarmos.
[Fernanda Mello]