quinta-feira, 3 de março de 2011



Ter provado outra vez desta solidão acho que me fez melhor. Ou mais humano, ou dolorido. Quem sabe?
Caio Fernando Abreu

Nenhum comentário:

Postar um comentário